Viva a Vida !

Este blog destina-se aos meus amigos e conhecidos assim como aos visitantes que nele queiram colaborar..... «Olá, Diga Bom Dia com Alegria, Boa Tarde, sem Alarde, Boa Noite, sem Açoite ! E Viva a Vida, com Humor / Amor, Alegria e Fantasia» ! Ah ! E não esquecer alguns trocos para os gastos (Victor Nogueira) ..... «Nada do que é humano me é estranho» (Terêncio)....«Aprender, Aprender Sempre !» (Lenine)

sexta-feira, 20 de março de 2009

Poesia de Carla Granja - Madrugada

click to comment

Madrugada

De madrugada acordei
Parecia que te sentia
Até o cheiro do teu corpo
No meu corpo eu sentia.

Meu corpo a estremecer
Por ti ele chamava
E a vontade era tanta
Que até em ti eu tocava.

Pegaste-me desprevenida
E um beijo molhado me deste
Era tão grande o desejo
Que até a tua alma me deste.

A noite se prolongou
E o desejo mais ainda
Pois não parava de sentir
As tuas mãos nas minhas.

O sol acabou por nascer
E com ele fiquei a pensar
Que tudo não passou de um sonho
Um sonho por realizar.
.
.
Carla Granja (hi5)
.

1 comentário:

Laura disse...

GOSTO DA FORMA NATURAL DE ESCREVER SEM SUBTERFÚGIOS, EXPRESSANDO CLARAMENTE O QUE LHE VAI NA ALMA E O QUE FICOU POR DIZER.
PARABÉNS!