Viva a Vida !

Este blog destina-se aos meus amigos e conhecidos assim como aos visitantes que nele queiram colaborar..... «Olá, Diga Bom Dia com Alegria, Boa Tarde, sem Alarde, Boa Noite, sem Açoite ! E Viva a Vida, com Humor / Amor, Alegria e Fantasia» ! Ah ! E não esquecer alguns trocos para os gastos (Victor Nogueira) ..... «Nada do que é humano me é estranho» (Terêncio)....«Aprender, Aprender Sempre !» (Lenine)

terça-feira, 31 de agosto de 2010

SER POETA - Manuela Miranda

por  Manuela Miranda Terça-feira, 31 de Agosto de 2010 às 20:57
.
.
SER POETA É SER SUBLIME,
SER ALTO, SABER RIMAR...
PALAVRAS QUE CULMINE
E QUE NOS FAÇA EMOCIONAR.

SER POETA É SER EXPLENDOR,
NO AUGE DOS SEUS SENTIMENTOS,
É SOFRER E TER DOR,
MAS SOFRER DE CONTENTAMENTO.

SER POETA GRITA, VIVE!!
TEM ALEGRIA DAS PALAVRAS.
QUE DELAS SOBREVIVE,

SER POETA TEM APAUSOS,
É UM MAR ALTO DE EMOÇÕES,
POIS DESTAS, MUITAS SAIEM CANÇÕES


ATENÇÃO EU NÃO SOU POETA, ISTO DE QUANDO EM VEZ SAI, MAS GOSTO DE ESCREVER, GOSTO DE POESIA.
.
DEDICO AOS MEUS AMIGOS DO FACEBOOK, A TODOS QUE APOSTAM OU APOSTAR EM MIM E A TODOS OS POETAS QUE ME TÊM MARCADO, MEUS FAMILIARES E AMIGOS DE LUTA BJS A TODOS
.
.
TRABALHO FEITO NO PAINT, POESIA FEITA DIA 29/8/2010
.
.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Calendário

Lindo este teu poema. Aliás como tudo que escreves.Com mta alma. com mto. sentimento.Com um sentido revolucionário, mas sempre com mta. verdade.Envio aqui uma mens. de "Charles Chaplin que eu adoro.
.
PENSAMOS DEMASIADAMENTE
SENTIMOS MTO POUCO
NECESSITAMOS DE MAIS HUMILDADE
QUE DE MÁQUINAS
MAIS BONDADE E TERNURA
QUE DE INTELIGENCIA
SEM ISSO....
A VIDA SE TORNARÁ VIOLENTA
E TUDO SE PERDERÁ...
BEIJOS COM CARINHO!!!!!
.
Odete
.

domingo, 29 de agosto de 2010

A Poesia de Flor do Deserto

flor do deserto diz:
28/Ago/2010 0:16
"É verdade que se prepara
a revolta dos coletes?

Porque é que a agricultura se ri
do pálido pranto do céu?

Como conseguiu a liberdade
a bicicleta abandonada?"

Mano, por favor não te sintas aborrecido ... de que vale isso???
beijo
.
.
flor do deserto
"As lágrimas que não se choram esperam em pequenos lagos? Ou serão rios invisíveis que correm para a tristeza?"

ontem
.
.

sábado, 28 de agosto de 2010

Moscovo 2009 - Praça Vermelha

* E.B.
.
.
.
A Praça Vermelha
.

A catedral "Vasily Blageni" na Praça Vermelha
.
.
Um quadro de avisos (billboard) tirada do lado da Praça Vermelha
.
.
A estátua do Karl Marx. A legenda russa signífica "Proletário de todos os países, uni-vos."
.
.
O prédio do parlamento russo no Kremlim
.
*****
.

O fogo de artifício á noite em frente do pavilhão dos desportos
.
.
Em frente da catedral Vasily Blageni
.
.
O relógio famoso do Kremlim
.
.
O prédio da "Duma" estatal. (A palavra duma signífica câmara baixa) ...
.


.
... com o símbolo soviético
.
.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Moscovo 2009 no cemitério Novodevich

 * E. B.
.
 O monumento funerário doTolstoi
 Gorbachov com filhas dele e o pope  (Tempora mutant....)
.
O monumento funerário da Raiça Gorbachova
.
*****
.
.
O monumento do Maiakovsky
.
.
O Gorbachov com as filhas em frente do monumento da Raiça.
.
.

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Perdi o entendimento da noite

por Maria Clara Roque Esteves a Sábado, 17 de Julho de 2010 às 6:50


Seis da madrugada.
Acordo agora
Sem sol nem a alegria do acordar.
Um desgoverno vinca-se-me nos olhos meio abertos
Enquanto afasto as margens da noite.
Sem revelações sensacionais
Recordo ( outros) momentos que já foram meus.
Toques ou vestígios de ansiedade?
Odeio entrar em metáforas ( Será?)
Ou escrever versos sem acepção verdadeira.
Busco nas palavras a versão de uma noite reescrita.
Nem branca nem preta: cinzenta.
Nem amiga nem amante: fluído equívoco, memórias que nunca murcham.
Apenas os versos me dirão que existência produzir
A menos que o lugar que me espera seja apenas
Agarrar nas imagens do que ontem fui
Dos sonhos que lancei para longe
E tentar entender aquilo para que não estou habilitada.
Dentro e fora de mim a deriva do amanhecer.
Aprendi que EXISTIR é sublime
E que antes da ciência há a equação do SER.
Tantos dramas me ecoam na alma…
Mas há muito desisti de entender aquilo para que não estou habilitada.

Afinal ainda não acordei do sonho do sonho.

Da janela a paisagem urbana acende-se ingenuamente
E, ingenuamente também
Espreguiço-me numa voluptuosidade sem harmonia.
Por que fuso horário ando a reger o meu relógio?
Em que época da história me convenciono?

Esqueço o desentendimento da noite
Soletro outro nome
E volto ao meu quarto (ainda) não vazio.
São quase sete da manhã à minha volta
E eu já perdi o entendimento da noite.
O Grande Arquitecto acende os primeiros raios de sol
E eu vou dormir.

Clara Roque Esteves ( 2010)
.
Clara Roque Esteves
.
.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

N'uma noite de verão, veremos ?



O que estás a fazer agora?
estado não estando
há 2 dias ·

JoséPereira
VOU PASSAR A PÔR FOTOS MINHAS NO PERFIL E COMO FUNDO DO MESMO, BEM COMO COMENTÁRIOS ENVIADOS POR MIM. DE RESTO JÁ FAZIA HABITUALMENTE O FAZIA. É ASSIM QUE EU VEJO A FOTOGRAFIA!!!
há 19 minutos 

flor do deserto
sorrindo :)
há 29 minutos 

vitor correia
Uma asa voa a cada beijo teu...Pedro Abrunhosa
hoje 

yolanda botelho
E AOS COSTUMES DISSE NADA....(David Mourão Ferreira in "Gaivotas em Terra)
há 2 dias

Alentejano de Évora
..No Comercial..em Mora..emburcando 1 Vuvuzéla..ao Som do Acordeon do Sr Manel Amador..e da desgarrada de 2 Grandes Amigos!!!..
há 2 dias

Sam
sabem o que são pessoas na alma e na essência? que nos dão coisas sem nada em troca? gosto das pessoas da minha vida.
há 2 dias

SOPHIE
BACI .=).........SOP
há 3 dias

Odete Botelho
Encontro-me no Facebook Ok????
há 4 dias 

♥ﻉ♥Feяmina The Bonaiяean Flamingo♥ﻉ♥
Busy busy busy, but i didn't forget U all. Pls understand. Blessings.
há 5 dias
.
.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

estado não estando


O que estás a fazer agora?
estado não estando
ontem · 

vitor correia
"A intimidade que um abraço contém,é fonte de amor,carinho,ternura,desejo,vontade e paixão" Karllos Andrade
há 2 horas

yolanda botelho
E AOS COSTUMES DISSE NADA....(David Mourão Ferreira in "Gaivotas em Terra)
ontem 

JoséPereira
GOSTO DE VER OS MEUS AMIGOS... MUITO BEM.
ontem

Alentejano de Évora
..No Comercial..em Mora..emburcando 1 Vuvuzéla..ao Som do Acordeon do Sr Manel Amador..e da desgarrada de 2 Grandes Amigos!!!..
ontem

Sam
sabem o que são pessoas na alma e na essência? que nos dão coisas sem nada em troca? gosto das pessoas da minha vida.
ontem 

SOPHIE
BACI .=).........SOP
há 2 dias

Odete Botelho
Encontro-me no Facebook Ok????
há 3 dias
.
.

A Poesia de Yolanda

24/Ago 1:09
yolanda diz:

NA QUIETUDE DO MEU SER,
NA PLENITUDE CONSTANTE
DE SER AUTÊNTICA E
INCONTESTAVELMENTE SIMPLES,
ARRANCO DE MIM,
ÁS VEZES COM GRANDE ESFORÇO,
TUDO O QUE NÃO PODE SER BOM
NEM REFLETE O SOL DA ESPERANÇA TODA....
ESCREVO ESTE POEMA
NA CLARIDADE VISÍVEL
DO QUE SOU,
E DO MAIS QUE QUERO SER
E AINDA NÃO CONSEGUI.
SIGO O MEU CAMINHO
COM NOVOS ESPAÇOS
PARA PÁSSAROS COLORIDOS
QUE DAS MINHAS MÃOS SAIRÃO
EM MANSO VOO
MAS SEMPRE COM A VERDADE
COMO RUMO.

YOLANDA BOTELHO
24 DE AGOSTO DE 2010
.
.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

A poesia da Flor do Deserto



 12 Agosto 19:29
.
Estado foi alterado para "Entrei no café com um rio na algibeira e pu-lo no chão, a vê-lo correr da imaginação... "
.
.
9/Ago 23:56
Estado foi alterado para ... e quão solitária é já a minha dança ... no deserto, a paz?
.
 .
9/Ago 23:17
Estado foi alterado para já não cheira a chuva ... ai! ora, adoro o meu espacinho :D**
.
.
8/Ago 11:52
Estado foi alterado para cheira a chuva :)
 .
.
4/Ago 15:20
Estado foi alterado para No Lette não existe espaço para os amigos ... nem para sentimentos, apenas o esquecimento!
.
.
2/Ago 23:29
Estado foi alterado para "Sómente livres do peso do passado podemos vivenciar o valioso resultado de uma RENOVAÇÃO"
.
 
 
 

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Vira o disco e toca disco e toca o mesmo ?



O que estás a fazer agora?
Vai de roda, bem saltado, cada um ponha o seu pé, não há vira mal fadado como o vira do par sem maré ! ! !
hoje

flor do deserto
ausente por parte incerta ... :P
hoje

vitor correia
De repente com uma neura gigante
hoje

Alentejano de Évora
...Teso que nem 1 Carapau!!!!...
hoje 

JoséPereira
As equações não explodem (Bertrand Russell)
hoje 

yolanda botelho
A YOLANDA PERDEU-SE, NÃO CONSEGUE ENCONTRAR A SAÍDA DESTE LABIRINTO
ontem 

SOPHIE
你永遠是我的黑暗的
há 2 dias

Sam
Voltei pessoal....im back again:)))
há 2 dias 

♥ﻉ♥Feяmina The Bonaiяean Flamingo♥ﻉ♥
I can't send comments. I'm sorry;~( But Wishing U All The Best ♥
há 8 dias 

Odete Botelho
Há situações que o ser humano desconhece.......
há 10 dias
.
.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Somos todos ciganos, por Antunes Ferreira

aminhatravessadoferreira

Sexta-feira, Setembro 05, 2008



Somos todos ciganos

Antunes Ferreira
Em tempo salazarento Portugal era o País dos três efes: Fátima, Futebol e Fado. Hoje, Portugal é o País dos três efes: Fundos, Finanças e Futebol. A História, por mais que queiram que ela mude constante e permanentemente, bem ao contrário vai avançando com bastas repetições, mas, sobretudo, com muitas adaptações.



Somos, aliás, uma raça de adaptados – e de adoptados. Costumo dizer que somos ciganos. Não os dos tiros, das desordens, das feiras, dos roubos, da droga – que os há, como é sabido. Se calhar, também possuímos um qb destes nos cromossomas a que temos direito. Porem, aqui, é outro o conceito. Para constatar que somos uma mistura aciganada, basta que miremos a nossa genealogia.

Os residentes sem cartão mas residentes, começaram, segundo dizem, por ser os protoibéricos. Na fila (antigamente eu usava bicha, mas hoje…) encontramos de seguida os ibéricos, os lusitanos, os romanos, os vândalos, os suevos, os alanos, os visigodos, os mouros, e diversos outros que não menciono para não esgotar as listas de registo e as respectivas certidões. Mesmo assim, convém não esquecer os fenícios e os gregos. Muitos.



nos primórdios da nacionalidade, conta-se com um bolonhês e cruzados das mais diversas origens, tonalidades e defeitos, sem certificados de qualidade e de proveniência. Isto tudo misturado – miscigenado para usar palavra erudita que fica sempre bem em escrito – foi originando o Português. E vieram os Descobrimentos. Mais achas para a fogueira. Pretos, indianos, malaios, chineses, coreanos, tailandeses, chinês, japoneses, timorenses. É obra.

Bom, já o tenho escrito, nós colonizámos sobretudo na cama. É esta comezinha constatação, no meu mais do que modesto entender, que pôde justificar a afirmação de que a nossa colonização foi diferente de outras, ou, mesmo, das outras. Não terá sido completamente assim. Mas quem é o escriba para assim perorar, se a mulher com quem casou de igreja e tabelião, é… Goesa?

Acrescento só mais uma pequena «ocorrência». O nosso terceiro e último filho nasceu em Luanda. Quando já nos reinstaláramos em Portugal, findos os anos de Angola, fomos registá-lo na Conservatória dos Registos Centrais. O zeloso funcionário encarregado de fazer o assento, perguntou o nome do rapazito: Luís Carlos etc. Natural de? Luanda. Filho de? Henrique torna e deixa, natural de Lisboa, freguesia de São Sebastião da Pedreira (há uma caterva deles). E de Raquel tal e modos, natural de Raia, concelho de Salcete, antigo Estado Português da Índia. Abreviando: as duas testemunhas arregimentadas à porta conservatorial, eram, um moçambicano, e o outro, damanense. Palavra de honra.


O agente administrativo apontou tudo cuidadosa e conscientemente, à mão, naturalmente, no livro de registos monumental, leu o escrito e deu para assinar. Finalmente, fê-lo ele próprio. Só por pura curiosidade e face ao fácies, perguntei-lhe de onde era. Do Mindelo, Ilha de São Vicente, Cabo Verde.

Saímos, agradeci às testemunhas e paguei-lhes o combinado, já que nunca nos tinham visto, sendo que um era amigo de um primo da Raquel, da Beira e outro conhecido do meu sogro que fora director da Alfândega de Damão. E foram à vida deles. E nós, à nossa. Um slogan então muito na moda referindo a banca, saltou de imediato do Paulo o meu do meio: «Olha, agora és nacionalizado, nosso»…

E logo o Miguel, o primogénito, plantou uma alcunha no pimpolho com os seus quatro anos: «a partir de hoje, és o tuti-fruti».E depois, digam-me lá se somos ou não somos ciganos?

(Também publicada no www.sorumbatico e noutros, vários...)

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Dia a dia ou não !

O que estás a fazer agora?
Está calor, mesmo muito calor !
ontem ·

flor do deserto
"Entrei no café com um rio na algibeira e pu-lo no chão, a vê-lo correr da imaginação... "

há 1 hora

vitor correia
Feliz

hoje 

Margarida Garcia
Uma brisa serpenteia por entre os pinheiros enquanto o olhar se esbate em águas serenas.

hoje 

yolanda botelho
INTEMPORAL....A AMIZADE,E A VONTADE DE VIVER.

ontem 

JoséPereira
Quem Sou eu?!

ontem

Alentejano de Évora
..Nas Merecidas Férias..Praia do Vau..Algarve..Eh!Eh!Eh!..

ontem 

SOPHIE
E mi manchi e pensavo che la tua essenza non è importante che sbagliato

há 3 dias 

♥ﻉ♥Feяmina The Bonaiяean Flamingo♥ﻉ♥
I can't send comments. I'm sorry;~( But Wishing U All The Best ♥

há 4 dias 

Odete Botelho
Há situações que o ser humano desconhece.......

há 6 dias
.
.

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Numa noite de braseiro sem braseira !



O que estás a fazer agora?
Está calor, mesmo muito calor !
há 1 minuto ·  

Margarida Garcia
Uma brisa fresca serpenteia por entre os pinheiros enquanto o olhar se esbate em ãguas serenas.
hoje 

Alentejano de Évora
..Nas Merecidas Férias..Praia do Vau..Algarve..Eh!Eh!Eh!..
hoje 

JoséPereira
"É dentro de nós que o sol brilha"
ontem

SOPHIE
E mi manchi e pensavo che la tua essenza non è importante che sbagliato
há 2 dias 

yolanda botelho
sensibilidade ou inteligência?
há 2 dias 

flor do deserto
... e quão solitária é já a minha dança ... no deserto, a paz?
há 2 dias

vitor correia
"Há momentos infelizes em que a solidão e o silêncio, se tornam em meios de liberdade" Paul Valéry
há 3 dias 

♥ﻉ♥Feяmina The Bonaiяean Flamingo♥ﻉ♥
I can't send comments. I'm sorry;~( But Wishing U All The Best ♥
há 3 dias 

Odete Botelho
Há situações que o ser humano desconhece....... 
há 3 dias  
.
.

domingo, 8 de agosto de 2010

Estádios estivais dominicais



O que estás a fazer agora?
Um imenso areal, um areal sem fim, imenso, áspero e seco, é o que daqui avisto ! É preciso ser leve, levezinho; p'ra chatice já chega o real ! Ou estarei cego e alucinado?
há 2 dias · Editar ·

vitor correia
"Há momentos infelizes em que a solidão e o silêncio, se tornam em meios de liberdade" Paul Valéry
há 44 minutos 

♥ﻉ♥Feяmina The Bonaiяean Flamingo♥ﻉ♥
I can't send comments. I'm sorry;~( But Wishing U All The Best ♥
há 2 horas 

flor do deserto
cheira a chuva :)
hoje 

JoséPereira
Cansado!
ontem

Odete Botelho
Há situações que o ser humano desconhece.......
há 2 dias

SOPHIE
conoscere la vita.......
há 2 dias 

YOLANDA BOTELHO
nada dura para sempre,nova vida,novas atictudes mas sempre igual a mim própria.
há 3 dias 

Margarida Garcia
Nada muda qundo não muda nada.
há 3 dias 

Antonia Freire
Só hoje pude vir aqui: Adeus, António Feio!
há 6 dias
.
.

Olá, mana, o k é o "Lette" ?

Assunto:
RE: Olá, mana, o k é o "Lette"
Data: 4/Ago 21:28
Lette, planície do esquecimento ... o Homem percorre um caminho realizando a sua obra ... um dia chega ao Lette (Lethe) e esquece-se do seu caminho, do seu propósito, de quem é, do que vem (de onde) e para onde vai ... Planície do Esquecimento: o mundo virtual, sim? mais ou menos por aí.

Serás sempre bem vindo a minha casa, acredita ...

Lette, a mais triste Planície jamais sonhada pelo homem e no entanto, a dormência cheia de negritude que acolhe no seu mais intimo seio.

mil beijos meu querido Victor.
--- Victor wrote:

--- flor do deserto wrote:

o "nosso" querido Caetano Veloso ... escutem, bons sonhos (no Lette sonha-se?)

abraço
.
Ver no Galeria & Photomaton
.

Tema: lette (escalera al cielo) (cancion subtitulada)

.

.

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Numa noite de verão, falta imaginação !


O que estás a fazer agora?
Se virem bem, a sabedoria popular é muito sábia! Cada provérbio tem sempre ou quase sempre um que diz precisamente o contrário :-)


JoséPereira
Ⓐ Ⓑ Ⓢ
há 2 horas

flor do deserto
No Lette não existe espaço para os amigos ... nem para sentimentos, apenas esquecimento!
hoje

vitor correia
Encontrando
hoje 

SOPHIE
desapego..........
há 2 dias 

Antonia Freire
Só hoje pude vir aqui: Adeus, António Feio!
há 2 dias 

Margarida Garcia
Se eu não gostar de mim quem é que gosta?
há 2 dias Responder »

irene dias
de ferias
há 3 dias

Odete Botelho
Quando escolhemos a PAZ...Vivemos em PAZ.......(estou no facebook)
há 3 dias 

Isabel Magalhães
A pensar nas férias, ahahah
há 4 dias
.
.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Respigado

O que estás a fazer agora?
Edita o teu estado...

flor do deserto
"Sómente livres do peso do passado podemos vivenciar o valioso resultado de uma RENOVAÇÃO"
há 23 minutos

JoséPereira
Qual seria a tua idade se não soubesses quantos anos tens?
hoje 

Antonia Freire
Só hoje pude vir aqui: Adeus, António Feio!
hoje 

Margarida Garcia
Se eu não gostar de mim quem é que gosta?
hoje


vitor correia
Andando
ontem 

irene dias
de ferias
ontem

Odete Botelho
Quando escolhemos a PAZ...Vivemos em PAZ.......(estou no facebook)
ontem 

Isabel Magalhães
A pensar nas férias, ahahah
há 2 dias 


Alentejano de Évora
..A montar a Tenda... no Parque de Campismo do Sitava...em Vila Nova de Mil Fontes..Costa Vicentina..Ya!Ya!..Viva o Lazer!!..
há 2 dias
.
.